CAMPANHA DE MISSÕES 2016 - EU ME IMPORTO

Eu me importo com o Agreste


Programa de mobilização missionária chega à região agrestina com desafios de ampliar participação batista na região.

A Convenção Batista de Pernambuco, buscando cooperar e ampliar a ação das igrejas batista do estado, visando à edificação dos crentes e à expansão do reino de Deus, realiza ações efetivas nas áreas da evangelização, missões, ação social, música sacra, educação e comunicação.

Como fruto dessa visão de serviço e cooperação, a CBPE, através da Área de Missões Estaduais, AME, executa, fruto do seu planejamento estratégico, o programa de mobilização missionária ‘EU ME IMPORTO’, uma iniciativa que tem duração total de cinco anos e já está no terceiro ano de atuação, e que conta com a colaboração de 137 missionários mantidos pela organização.

A campanha tem como objetivo principal a conscientização do povo de Deus para a obra que lhe foi confiada de fazer novos discípulos em todos os lugares. Também, a consolidação dos projetos missionários existentes no estado, ampliando recursos financeiros para o sustento dos campos conveniados; a capacitação continuada destes e seus liderados; a melhoria dos templos, locais de culto e o fornecimento de materiais de evangelização e ensino.

Para tanto, o trabalho tem sido realizado por região. A Metropolitana e a Zona da Mata já foram os alvos principais. Este ano, a ênfase será no Agreste pernambucano.

O tema central é: EU ME IMPORTO – Anuncio Cristo ao agreste. A divisa está em Lucas 8.39b: “Então foi ele anunciando por toda a cidade todas as coisas que Jesus lhe tinha feito”. O dia da oferta especial está marcado para o dia 31 de julho e o alvo estabelecido é de R$520 mil.

O Coordenador da Área de Missões Estaduais da CBPE, Pr. Neilton Ramos reforça que “o programa EU ME IMPORTO tem se notabilizado como a principal ação missionária para alcançarmos o ideal de evangelizar através das igrejas nosso estado”. E que a estratégia de “trabalhar anualmente com as microrregiões, ajuda-nos a desenvolver projetos e ações que atendem às demandas do povo” e enfatiza que “o amor pela obra missionária sempre foi uma das principais marcas do povo batista pernambucano. Por isso dizemos EU ME IMPORTO”, reforça o Coordenador da Ame.

"O programa reúne vários projetos da área de missões, sendo um belo exemplo de como um planejamento integrado pode fazer a diferença no avanço do Reino de Deus", afirma o Secretário Geral da CBPE, Pr. João Marcos Florentino.

Para ampliar o alcance das ações da Campanha de Missões Estaduais 2016, vídeos de divulgação estarão à disposição das igrejas filiadas, com o foco em plantação e fortalecimento de igrejas, como também amplo material gráfico. Os Congressos IDE também já estão com as datas marcadas: 06 de junho na Igreja Batista Emanuel em Serra Talhada e 02 de julho, na Primeira Igreja Batista em Abreu e Lima. “O congresso tem por objetivo despertar novos vocacionadas para a obra em nosso estado, como também capacitar a igreja local na evangelização e discipulado. Através do Congresso podemos também aproximar os missionários”, finaliza Pr. Neilton.

Sobre o Agreste

O Agreste é formado por 71 municípios, em uma área de aproximadamente 24.400 km², inserida entre a Zona da Mata e o Sertão. Representa 24,7% do território pernambucano e conta com uma população de cerca de 1,8 milhão de habitantes (um quarto da população do estado), tendo como Caruaru a cidade com uma população de quase 400 mil habitantes, sendo também a principal responsável pela econômica da região.

A região possui ampla tradição religiosa oriunda do catolicismo. Encontramos no agreste cidades como São Joaquim do Monte que anualmente recebe a romaria do Frei Damião reunindo mais de 100 mil pessoas por ano. Um detalhe é o surgimento de outros grupos religiosos, como a mesquita islâmica que está construída em Belo Jardim.

Fora isso, a população agrestina sofre com o alcoolismo, forte dependência financeira dos órgãos públicos, os jovens que têm bastante dificuldades para entrar no mercado de trabalho e o isolamento de boa parte da população que vive nas áreas rurais.

Como denominação, temos alguns desafios no avanço na evangelização, no fortalecimento de pequenas igrejas como também na plantação de novas igrejas, a citar os municípios de Terezinha, Correntes e Lagoa dos Gatos, onde atualmente não há trabalho batista. Sendo assim, entendemos que precisamos proclamar Jesus Cristo ao Agreste.

EU ME IMPORTO - Projetos

O programa EU ME IMPORTO abraça algumas ações de destaque.

PROJETO SEMINARISTA MISSIONÁRIO

o projeto Seminarista Missionário tem como objetivo envolver seminaristas que evidenciam uma chamada para a obra de missões, estando devidamente matriculados e vinculados nos cursos Livres ou Mestrado oferecidos pelo STBNB (Seminário Teológico Batista do Norte do Brasil) e SEC (Seminário de Educação Cristã). E, que estejam dispostos a fortalecer e plantar igrejas no estado.

Funciona como um estágio para esses seminaristas, num período de um a dois anos de atuação. O seminarista precisa estar no 2º ano do curso, não sendo permitido estar no último ano. A seleção é feita em etapas e os participantes devem atender aos seguintes critérios: Possuir um coeficiente de rendimento acima da média da instituição, ser vinculado a uma igreja batista e que esta coopere com a Convenção Batista de Pernambuco. Vencida esta primeira etapa, segue-se um treinamento com os inscritos para que seja feita análise do perfil do seminarista.

De acordo com o Pr. Jades Júnior, coordenador do projeto, essa análise “contempla a vocação do seminarista”, para que haja um elo entre o perfil do vocacionado e a necessidade do campo missionário. Igrejas com até 50 membros podem solicitar o apoio desses seminaristas, que devem fazer “uma construção coletiva” através de “um diagnóstico e construção de um plano de ação” com a igreja”, oferecendo “treinamento para aquele local”.

Esses seminaristas serão acompanhados através de relatórios mensais e semestrais e em reuniões de pequenos grupos. A parceria entre a CBPE, STBNB e SEC funciona da seguinte forma: A AME recebe a demanda das igrejas, que repassa para os seminários. Estes identificam os potenciais seminaristas para o atendimento das necessidades e os encaminha à CBPE, que oferece ajuda de custo o suprimento das despesas do curso. Os treinamentos são voltados para as áreas de história de missões, estratégias missionárias, plantação de igrejas multiplicadoras e cuidado emocional.

MINISTÉRIO COM SURDOS

O projeto tem como objetivos alcançar o surdo com Evangelho de Cristo, como também despertar e capacitar as igrejas para a promoção da inclusão social do surdo na família, na própria igreja e na sociedade, levando-a a assumir o compromisso de orar e se envolver na evangelização dos surdos; levantar e capacitar líderes multiplicadores para a expansão deste ministério; e ainda, levar o povo de Deus em Pernambuco ao conhecimento dos surdos, de sua língua e cultura e a respeitá-los.

Como forma de colaborar com esse projeto, a CBPE, através da Adec – Área de Desenvolvimento de Educação Cristã, em parceria com a AME, inicia o Curso de Capacitação para Líderes do Ministérios com Surdos, de 23 de julho a 12 de novembro de 2016.

O objetivo é fortalecer e ampliar o evangelismo discipulador em Libras e assim atender a demanda das igrejas batistas, no campo pernambucano, possibilitando aos participantes do curso o conhecimento apropriado para o desenvolvimento/apoio nas atividades e trabalhos referentes ao Ministério com Surdos em suas igrejas locais, bem como, a difusão do Evangelho aos surdos do nosso estado, iniciado primeiramente na Região Metropolitana do Recife (RMR).

O curso terá nível básico e procura despertar liderança para a prática de ações pedagógicas inclusivas.

O público-alvo são líderes para o ministério com surdos, pastores, educadores religiosos, missionários e interessados. Para participar, é necessário ser membro recomendado pela igreja filiada, com idade mínima de 14 anos e ter ou está cursando o Ensino Fundamental II. A duração é de 4 meses, com uma carga horária de 88 horas aulas de 50 min, em 11 sábados com 08 aulas cada.

As inscrições vão até dia 04 de julho. E o investimento é de R$100,00. Um desconto de 50% para alunos cuja igreja esteja contribuindo com o Plano Cooperativo, está sendo oferecido.

Para a missionária da AME, especialista em Libras, Wellenice Lima, é importante que a igreja seja “ambiente acessível e não excludente a todas as pessoas, sejam elas com ou sem deficiência” e é preciso vencer “a questão da barreira comunicacional que encontramos diante de uma pessoa surda” para “conseguirmos nos comunicar com os surdos e assim levar a palavra de Deus a eles”, finaliza.

Outros projetos:

PROJETO DE FORTALECIMENTO DE IGREJAS

objetiva apoiar as igrejas que tenham um numero inferior a 50 membros, investindo no planejamento, com programas de crescimento e desenvolvimento, além disso, investindo na capacitação dos obreiros e líderes das igrejas, ministrando cursos de treinamento.

PEPE - PROGRAMA DE EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR

é um programa destinado a igrejas locais que desejam causar impacto, demonstrando o amor em ação e o poder do evangelho, a partir do atendimento sócio-educacional de crianças de 4 a 5 anos de idade de comunidades em vulnerabilidade social. Atualmente, 1200 crianças são atendidas em 38 Pepes, em Pernambuco. Em breve, mais quatro iniciarão os trabalhos.

PROJETO MINISTÉRIO CAMPUS

seu objetivo é compartilhar o Evangelho de Jesus Cristo nas escolas e universidades pernambucanas através da iniciativa dos próprios estudantes, alcançando os secundaristas, universitários e profissionais de Educação. A ênfase é o discipulado, evangelização, serviço e comunhão.

PROJETO AÇÃO DE RUA E CULTURA ALTERNATIVA (ARCA)

em parceria com a ARCA - Ação de Rua e Cultura Alternativa, estamos desenvolvendo o projeto de evangelização e discipulado voltado para “tribos urbanas”, ou seja, grupos específicos do cenário urbano, especialmente àqueles que por seu estilo de vida alternativo (underground), foram colocados à margem da sociedade, e até mesmo da própria igreja.

Material da campanha

logomarca

logomarca

logomarca

logomarca

logomarca

logomarca

logomarca

logomarca