Quem somos


A Convenção Batista de Pernambuco é uma organização de natureza religiosa, com fins não econômicos, criada por tempo indeterminado. É constituída por um número ilimitado de igrejas evangélicas batistas, com as quais mantêm uma relação de natureza cooperativa e têm a Bíblia como única regra de fé e prática.

Estas igrejas mantêm fidelidade à Declaração Doutrinária da Convenção Batista Brasileira e através do Plano Cooperativo, também participam financeiramente para que a Convenção atinja seus objetivos, realize seus propósitos e cumpra suas finalidades. A Convenção reconhece a autonomia da igreja local.

MISSÃO

Expandir o Reino de Deus, planejando e viabilizando as ações conjuntas das Igrejas Batistas em Pernambuco.

VISÃO

Visamos a extensão do Reino de Deus através da cooperação da Igrejas Batistas, ganhando Pernambuco para Cristo.

VALORES

Seus valores são pautados na comunhão, serviço às igrejas e à sociedade, proclamação do evangelho no Estado, no Brasil e no Mundo, a prática da ética, com fundamentação da Bíblia Sagrada, prática da adoração nas igrejas, fidelidade à Bíblia, desenvolvimento de uma educação cristã relevante, prática dos princípios batistas como fator de integração e unidade entre as igrejas.

A Convenção Batista de Pernambuco também desenvolve, através da sua Área de Missões Estaduais, ações e projetos de mobilização missionária em todo o Estado de Pernambuco. Ao todo, são 135 campos conveniados, pregando o evangelho de Cristo.

HISTÓRIA

A presença batista no Estado de Pernambuco data de 1885, quando foi batizado o primeiro batista pernambucano, Wandrejáselo de Mello Lins. A Convenção Batista de Pernambuco é, no momento histórico do seu aparecimento, a expressão autêntica da fusão de duas tradicionais forças Batistas do Estado: A Convenção Evangelizadora Batista de Pernambuco e a Convenção Batista Pernambucana, fato ocorrido em 02 de novembro de 1973, no santuário da Igreja Batista da Capunga, no Recife.

ATUAÇÃO

- Fortalecer laços de comunhão entre as igrejas filiadas.

- Colaborar na formação religiosa das igrejas.

- Coordenar programas cooperativos de evangelização e missões no Estado de Pernambuco.

- Desenvolver, em conjunto com as igrejas programas de edificação espiritual dos discípulos de Jesus.

- Cooperar com os ministérios das igrejas.

- Integrar as igrejas filiadas para realização de ações conjuntas.



PACTO COOPERATIVO

As igrejas filiadas à Convenção firmam pacto de cooperação mútua e têm a Bíblia como única regra de fé e prática. Mantêm fidelidade à Declaração Doutrinária da Convenção Batista Brasileira e através do Plano Cooperativo, participam financeiramente para que a Convenção atinja seus objetivos, realize seus propósitos e cumpra suas finalidades. A Convenção reconhece a autonomia da igreja local.

DIREÇÃO

A Convenção é dirigida por uma diretoria eleita em sua assembleia anual, para cumprir mandato de 02 (dois) anos. A Convenção tem um Conselho Geral que ao longo do ano eclesiástico, planeja, coordena e administra seus programas cooperativos.